Ueslei Marcelino/Reuters
Ueslei Marcelino/Reuters

Da inauguração do estádio aos três gols de Romero: o histórico do Corinthians no Mané Garrincha

Time de Carille fez dez jogos em Brasília, com seis vitórias, um empate e três derrotas. Neste fim de semana encara o Fluminense no DF

João Prata, O Estado de S.Paulo

12 de setembro de 2019 | 04h30

O Corinthians voltará a entrar em campo no Mané Garrincha, em Brasília, após pouco mais de um ano. No estádio onde participou da inauguração e foi responsável por balançar as redes pela primeira vez, o time alvinegro enfrentará o Fluminense no domingo em partida pela última rodada do primeiro turno do Campeonato Brasileiro.

O desempenho da equipe paulista na capital federal é satisfatório. Em dez confrontos, conquistou seis vitórias, um empate e três derrotas. A mais recente partida foi também a última vez que a equipe venceu um adversário por mais de três gols de diferença: 4 a 1 sobre o Vasco, em 29 de julho, no Brasileirão do ano passado. Romero foi o destaque da partida com três gols. Jadson fez o outro.

No único encontro que teve com o Fluminense em Brasília, o Corinthians perdeu por 1 a 0. Foi pelo Brasileirão de 2016. Na partida, curiosamente, Cássio começou na reserva, entrou no segundo tempo após lesão de Walter e defendeu um pênalti. Fagner, do atual elenco, também participou do confronto.

O outro duelo que aconteceu com o estádio já reformado para a Copa de 2014 foi novamente contra o Vasco, em 2013, pela competição nacional, com empate de 1 a 1. Cássio e Ralf estiveram em campo. Guerrero marcou pelo Corinthians. Essa partida ficou marcada por uma briga generalizada na arquibancada. Entre os corintianos envolvidos na confusão, havia um grupo de torcedores que foi preso em Oruro, na Bolívia, pela morte do garoto Kevin Espada, durante jogo da Libertadores.

INAUGURAÇÃO

O estádio também tem uma ligação especial com o time alvinegro. O clube participou de sua inauguração, em duelo contra o extinto Ceub, em 10 de março de 1974, pelo Brasileirão. O primeiro gol da história do Estádio Mané Garrincha foi do atacante corintiano Vaguinho em vitória por 2 a 1.

O Corinthians enfrentou outros adversários locais. A vitória sobre o Gama por 4 a 2 pelo Brasileirão de 1999 foi marcante para o atacante Luizão. Em sua estreia com a camisa alvinegra, o centroavante fez os quatro gols e garantiu a virada após o adversário sair vencendo por 2 a 0. Três anos depois, o Corinthians derrotaria o Gama novamente, mas por 3 a 1.

Também no Mané Garrincha, o Corinthians perdeu para o Botafogo-RJ por 1 a 0, em 1974, goleou o Sobradinho-DF 5 a 0, tropeçou diante do Tiradentes (1 a 0) em 1989 e bateu o Brasiliense por 4 a 2 em 2005 no ano do tetra do Brasileirão.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.