Lucas Uebel/ Grêmio
Lucas Uebel/ Grêmio

Renato Gaúcho admite atuação apagada do Grêmio em vitória magra sobre o Passo Fundo

Treinador questionou a produção ofensiva do time

Estadao Conteudo

13 Fevereiro 2017 | 10h38

A vitória magra, por 1 a 0, sobre o Passo Fundo, no último domingo, não empolgou Renato Gaúcho. Após o triunfo no duelo válido pela terceira rodada do Campeonato Gaúcho, o treinador apontou que o time não correu riscos e teve o controle da posse de bola, mas falhou ao ter baixa produção ofensiva. Ainda assim, ele destacou que nesse momento do ano o mais importante é conquistar vitórias, como ocorreu no último domingo na Arena do Grêmio.

"É muito pouco, mas é normal, é início de temporada, as equipes do interior estão treinando há mais tempo e estão com mais ritmo. O Grêmio mandou no jogo, tivemos posse de bola, mas criamos pouco. Demos pouco trabalho ao goleiro adversário. Não adianta massacrar e não vencer", disse.

O duelo com o Passo Fundo foi o primeiro do Grêmio sem Douglas, que sofreu uma ruptura de ligamento do joelho esquerdo. Renato escolheu o equatoriano Miller Bolaños como substituto do meia e aprovou o seu desempenho.

"Esteve bem. Criou, se movimentou. Tem muita técnica, é inteligente. Não vamos encontrar outro Douglas", afirmou. "Apesar da vitória magra, dedico ao Douglas por tudo que ele já fez", acrescentou o treinador.

Com seis pontos em três rodadas, o Grêmio assumiu a liderança do Campeonato Gaúcho, mas pode ser ultrapassado ainda nesta segunda-feira pelo Novo Hamburgo. O time volta a jogar pelo torneio estadual no próximo domingo, quando vai receber o São José na sua arena.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.