Renato admite cansaço com sequência do Botafogo

Volante lamenta desgaste pelo acúmulo de jogos da equipe pelo Campeonato Brasileiro

O Estado de S. Paulo

27 de agosto de 2012 | 20h34

RIO - O volante Renato não escondeu que a longa sequência de partidas que o Botafogo vem disputando nos últimos tempos estão exigindo muito de sua parte física. Cansado, o jogador chegou a ser desfalque contra o Atlético-MG, no último dia 19, por conta de dores lombares, e disse que o fato de não ter atuado foi fundamental para que aguentasse jogar contra Palmeiras e Flamengo.

"São jogos que os fisiologistas consideram uma maratona e realmente é. Acabei sentindo dores nas costas que vinham desde o jogo com o Atlético-GO. Não forcei contra o Atlético-MG e foi positivo. O descanso foi válido depois dessa sequência de muitos jogos", declarou.

Com jogos no meio e no final de semana pelas próximas seis rodadas, Renato sabe que a parte física será fundamental não só para o Botafogo, mas para todas as equipes do Brasileirão. "Isso é para todo mundo. É difícil conter essas lesões, não só nos temos encarado isso. Não sei se é a carga de jogos, mas isso acaba prejudicando o elenco. Mas temos que nos adaptar", comentou.

Outro que admitiu que o Botafogo terá dificuldades foi Amaral. O volante, no entanto, comentou sobre a qualidade do São Paulo, adversário desta quinta-feira, no Morumbi.

"Difícil vai ser, mas estamos atuando bem fora de casa. Esperamos ir lá e parar o ataque do São Paulo. São jogadores de qualidade, mas vamos fortes para vencer eles lá", avaliou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoBotafogoRenato

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.