Renato Augusto marca, e Bayer segue como vice-líder

Depois de defender sem brilho a seleção brasileira na derrota de 1 a 0 para a França, na última quarta-feira, quando vestiu a camisa 10 do time de Mano Menezes, o meia Renato Augusto ajudou o Bayer Leverkusen a vencer o Eintracht Frankfurt por 3 a 0, neste sábado, fora de casa. Ele marcou o segundo gol da vitória que manteve a sua equipe na vice-liderança do Campeonato Alemão.

AE, Agência Estado

12 de fevereiro de 2011 | 15h21

Com o resultado, o time chegou aos 42 pontos e ficou três à frente do Bayern de Munique, que neste sábado goleou o Hoffenheim por 4 a 0, em casa, e alcançou os 39 pontos na terceira colocação. O líder disparado é o Borussia Dortmund, que tem 52 e neste sábado jogará, longe de seus domínios, contra o Kaiserslautern.

Renato Augusto, que completou 23 anos marcou o seu gol na vitória do Bayer ao receber passe vindo da esquerda e, de fora da área, chutar no canto direito baixo do goleiro do Eintracht, aos 32 minutos do primeiro tempo. Antes disso, aos 8, Rolfes abriu o placar. E, aos 40 minutos da etapa final, Balitsch decretou o 3 a 0, em jogada que teve participação de Renato Augusto. A derrota deixou o Eintracht na 11.ª posição, com 27 pontos.

Já no triunfo do Bayern de Munique, o principal destaque foi o ataque holandês Robben, que marcou os últimos dois gols do jogo, na etapa final. No primeiro tempo, Mario Gomez e Müller fizeram 2 a 0 no placar. O Hoffenheim agora é o oitavo colocado, com 32 pontos.

Outro time que brilhou neste sábado foi o Nuremberg, que goleou o Stuttgart por 4 a 1, fora de casa, e saltou para a nona posição, com 32 pontos, deixando o seu adversário estacionado na penúltima colocação, com 19.

Em outros três jogos já encerrados neste sábado, os resultados foram os seguintes: Schalke 04 1 x 0 Freiburg; St. Pauli 3 x 1 Borussia Monchengladbach e Wolfsburg 0 x 1 Hamburgo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.