Lucas Uebel/Divulgação
Lucas Uebel/Divulgação

Renato critica jogadores expulsos e logística do Grêmio

Técnico avisa que Matheus Biteco e Vargas serão punidos por cartões vermelhos recebidos

AE, Agência Estado

21 de julho de 2013 | 12h05

CRICIÚMA - As expulsões de Matheus Biteco e Vargas foram cruciais para a derrota do Grêmio por 2 a 1 para o Criciúma, na noite de sábado, no Estádio Heriberto Hulse, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. Por isso, o técnico Renato Gaúcho criticou o comportamento dos dois jogadores, que receberam o cartão vermelho por terem agredido adversários e avisou que eles serão punidos.

"Vou conversar com os dois e haverá punição", disse Renato, que também elogiou a luta dos jogadores do Grêmio, que tentaram ao menos assegurar o empate na partida de sábado, mesmo com apenas nove jogadores em campo. "A equipe brigou muito e foi aguerrida", afirmou.

Apenas em seu terceiro jogo no comando do Grêmio, Renato criticou abertamente a diretoria. Ele reclamou do planejamento feito para o duelo com o Criciúma, principalmente porque o time ficou hospedado em Orleans, que fica a 38 quilômetros da cidade que sediou o jogo.

"Começou errado. Não era para ter ficado naquele hotel. É inadmissível levar uma delegação a um local que fica a mais de uma hora da cidade do jogo. Essa é outra coisa que vamos tratar na semana que vem. O atraso atrapalhou. Muita coisa deu errado nessa viagem e vamos tirar como exemplo", disse.

Com a derrota, o Grêmio permanece com 12 pontos, na sexta colocação no Campeonato Brasileiro, mas pode perder posições neste domingo. A equipe volta a entrar em campo no próximo domingo, quando vai receber o Fluminense, pela nona rodada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.