Renato culpa inexperiência do Grêmio e pede reforços

O técnico Renato Gaúcho não escondeu a decepção por ter sofrido, no último domingo, a segunda derrota seguida no Olímpico, desta vez para o Corinthians, por 2 a 1, na estreia no Brasileirão. O revés veio uma semana depois de a equipe cair nos pênaltis diante do Internacional, no segundo jogo da final do Campeonato Gaúcho. Insatisfeito com os resultados, o comandante culpou a inexperiência dos seus jogadores e voltou a pedir pela contratação de reforços.

AE, Agência Estado

23 de maio de 2011 | 09h03

"Eu vou continuar defendendo o meu grupo. Nós precisamos de jogadores? Nós precisamos de jogadores. Mas não vou falar mal do meu grupo. Continuo falando que o grupo é bom, mas a gente peca pela juventude. Isso mais uma vez ficou claro. No momento que você pegar uma equipe experiente do outro lado, como é a equipe do Corinthians, como pegamos o Internacional, nós perdemos na juventude, na inexperiência, tanto o Campeonato Gaúcho como o jogo contra o Corinthians", afirmou o treinador.

Renato, porém, assumiu a sua responsabilidade e afirmou que poderá colocar o seu cargo à disposição se a torcida e a diretoria do Grêmio estiverem insatisfeitas com o seu trabalho. "Se tiver que estourar alguma coisa, que estore em mim. Se eu sou o problema, eu saio, sem problema algum. Vou continuar sendo gremista, mas do meu grupo eu jamais vou falar mal. Os jogadores sempre foram fiéis a mim e eu sempre fui fiel a eles. O Grêmio precisa de reforços e de jogadores experientes, que venham para jogar e para decidir. Só isso", acrescentou.

Já ao falar mais especificamente sobre a atuação gremista, ele reforçou a sua insatisfação com a suposta falta de maturidade dos jogadores na hora dos momentos decisivos. "Hoje (domingo), até o Corinthians empatar, o Grêmio estava bem, mas pela inexperiência nós tomamos dois gols", disse, para depois enfatizar: "Os garotos têm futuro, mas é preciso colocar gente ''cascuda'' ali dentro".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.