Lucas Uebel/Grêmio
Lucas Uebel/Grêmio

Renato defende Éverton, não gosta do empate e promete poupar jogadores do Grêmio

Já classificado para as semifinais, time tricolor perdeu 100% de aproveitamento no segundo turno do Gaúcho com o resultado deste domingo

Redação, Estadão Conteúdo

26 de julho de 2020 | 15h32

O técnico Renato Gaúcho não escondeu a decepção pelo empate do Grêmio contra o Ypiranga por 1 a 1, neste domingo, pela quinta rodada do segundo turno do Campeonato Gaúcho. Ele também defendeu o meia Éverton Cebolinha, que não esteve em um dia inspirado no CT Hélio Dourado, em Eldorado do Sul (RS), localizado na região metropolitana de Porto Alegre e que recebe as atividades das divisões de base do clube.

"Ele já teve fases melhores, mas mesmo não estando 100% ele é importante. Problema é que a marcação em cima dele é muito rígida porque ele é um dos melhores jogadores do Brasil, a nível de seleção brasileira e muito procurado pelos times europeus. Daqui a pouco ele volta a jogar bem e a fazer gols. Importante que ele está com a gente e vamos precisar muito dele na semifinal", afirmou Renato Gaúcho.

Sobre o rendimento do time, o treinador lamentou o resultado e fez questão de elogiar o gramado do CT, onde foi realizado o jogo. "O campo é bom e não podemos reclamar de nada. Acho que apesar de tudo, nós merecíamos ganhar. Saímos na frente e poderíamos ter marcado o segundo gol, mas acabamos sofrendo o empate", comentou.

Líder do Grupo B com 13 pontos e já classificado para as semifinais, o técnico pensa em modificações para o jogo desta quarta-feira diante do Novo Hamburgo. "Nós vamos ter algumas modificações devido ao desgaste nos últimos dois jogos. E preciso observar alguns garotos que vêm treinando bem. Mas, com certeza, vamos poupar um ou outro jogador", concluiu. No meio de semana, o Grêmio venceu o clássico Gre-Nal contra o Internacional por 1 a 0.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.