Renato destaca vitória 'taticamente perfeita' do Grêmio

Para técnico, equipe não deu espaço ao Atlético-PR no triunfo por 1 a 0, na Arena da Baixada

AE, Agência Estado

30 de maio de 2011 | 10h01

CURITIBA - O Grêmio conseguiu sua primeira vitória no Campeonato Brasileiro no último domingo, por 1 a 0 diante do Atlético Paranaense, na Arena da Baixada, em Curitiba. O único gol da equipe gaúcha nasceu de uma falha do zagueiro Rafael Santos, que tentou recuar a bola para o goleiro e acabou marcando contra. Mesmo com o placar magro, o técnico Renato Gaúcho exaltou seus comandandos, e comemorou a partida "taticamente perfeita".

"Foi uma vitória espetacular, contra um grande adversário. É sempre muito difícil jogar aqui. Já estive aqui com várias equipes que treinei e sempre encontrei dificuldades. Em campeonato brasileiro, é sempre muito difícil jogar fora de casa. Tenho certeza que outras equipes terão muita dificuldade para vencer o Atlético aqui dentro. A equipe esteve taticamente perfeita, não dando espaço aos adversários", analisou.

A vitória deve dar ânimo à equipe gremista, que estava pressionada após a eliminação na Libertadores e a derrota na final do Campeonato Gaúcho. Renato fez questão de exaltar o comportamento de seus comandados e exaltou o grupo de jogadores que tem à disposição, recentemente reforçado com Gilberto Silva e Mirales.

"Sempre disse que confio plenamente no meu grupo, não importa nome, salário, ou a faixa etária. Lógico que os erros existem, mas aos poucos vamos acertando. O importante é que a garotada se entregou até o final. Eu tenho um grupo e esse grupo me deu orgulho hoje. O torcedor pode ficar orgulhoso também de ver a equipe se entregando desta maneira. É um Grêmio assim que o torcedor pode esperar neste campeonato brasileiro. O torcedor pode confiar neste grupo, pois não vai faltar luta", afirmou.

Veja também:

linkJOGO - Leia como foi Atlético-PR 0 x 1 Grêmio

tabela ESPN - Brasileirão 2011 - Classificação/Tabela

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.