Lucas Uebel / Grêmio FBPA
Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Renato exalta insistência do Grêmio em classificação sobre o Estudiantes

Equipe gaúcha conseguiu gol que levou partida para os pênaltis aos 48 do segundo tempo

Estadão Conteúdo

29 Agosto 2018 | 09h06

"Água mole em pedra dura, tanto bate até que fura". Foi utilizando esse velho ditado que o técnico Renato Gaúcho exaltou a insistência do Grêmio para obter a classificação às quartas de final da Copa Libertadores. Na noite de terça-feira, no seu estádio, o time gaúcho superou o Estudiantes por 2 a 1 no tempo regulamentar, depois assegurando a passagem de fase nos pênaltis, com o triunfo por 5 a 3. E o gol que levou o confronto para os pênaltis saiu apenas aos 47 minutos do segundo tempo, sendo marcado por Alisson.

"Acima de tudo é aquilo que eu falo: no momento que você joga em cima do adversário você tem muito mais chance de vencer. Conseguimos o gol no final e sabia que não íamos perder a disputa dos pênaltis, pela moral dos nossos jogadores. O importante é que a torcida encheu nossos estádio e o Grêmio está fortalecido, nas quartas da Libertadores", enalteceu o técnico gremista, que voltou a exaltar os seus comandados. "Faz tempo que eu falo: o Grêmio joga o melhor futebol do Brasil. É competitivo, tático, técnico".

Nem por isso, deixou de admitir que há o que fazer e o que aprender. "Nós vamos conversar internamente para corrigir tanto os erros que cometemos lá na Argentina como aqui. Mas acho que é são mais méritos da minha equipe, que buscou a vitória, que buscou a vitória e mostrou coragem. Vou conversar com meu grupo dentro de quatro paredes, porque vamos corrigir alguns pequenos erros. Só pequenos erros", ressaltou.

Renato aproveitou também para exaltar o seu próprio trabalho, valorizando as mudanças táticas realizadas durante o jogo. "Nós começamos com o 4-2-3-1, mas depois alteramos para dar mais velocidade nas laterais, porque precisávamos abrir a marcação adversária. Usamos também dois atacantes, com Jael e o André, numa outra variação. Importante que a equipe teve paciência e tranquilidade para lutar, para criar até sair o gol da vitória".

Agora o Grêmio vai enfrentar o Atlético Tucumán, também da Argentina, nas quartas de final da Libertadores. O seu próximo compromisso será pelo Campeonato Brasileiro, sábado, às 16 horas, quando vai enfrentar o Botafogo, pela 22.ª rodada, novamente no seu estádio.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.