Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Renato exalta vitória em Goiânia, mas diz que Grêmio 'merecia placar maior'

Tricolor gaúcho venceu o Goiás por 2 a 0 no Serra Dourada na noite desta quarta-feira

Estadão Conteúdo

26 de abril de 2018 | 10h06

O técnico Renato Gaúcho exaltou a vitória por 2 a 0 conquistada pelo Grêmio sobre o Goiás, na noite de quarta-feira, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, pelo duelo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, mas acredita que o seu time merecia ter saído de campo com um triunfo ainda mais expressivo pelo que mostrou em sua atuação.

TEMPO REAL - Goiás 0 x 2 Grêmio

Eficiente na defesa, Corinthians 'sofre' no ataque e empata com o Vitória

+ Confira a tabela da Copa do Brasil

"A gente sabia que seria o jogo da vida deles, apesar de (os adversários) terem se fechado bastante, e o Grêmio criado bastante. Pelo que fizemos, merecíamos um placar maior. Criamos muito desde o primeiro tempo, não conseguimos fazer os gols. Poderíamos ter feito mais no segundo", analisou o comandante, em entrevista coletiva.

Com o placar de 2 a 0 obtido fora de casa, o time gremista poderá até ser derrotado por 1 a 0 no jogo de volta do mata-mata, cuja data ainda não foi confirmada pela CBF. "Sempre falo que é uma partida de 180 minutos. Jogamos os primeiros 90 na casa do adversário e conseguimos uma bela vantagem. Temos que comemorar, sim", admitindo Renato ao comemorar a vitória sobre o Goiás.

Neste duelo no Serra Dourada, o treinador ainda deixou claro que estava confiante de que o Grêmio poderia fazer pelo menos 3 a 0, após a sua equipe ter marcado com Everton e Luan no segundo tempo e estava com um homem a mais após a expulsão do lateral Madison, do time da casa. "Tivemos chances, mas não conseguimos fazer. É uma boa vantagem, mas infelizmente a gente se precipitou em algumas jogadas e não aconteceram mais gols", disse Renato.

Após a vitória conquistada na Copa do Brasil, o time gremista seguiu direto rumo ao Rio de Janeiro, onde neste sábado enfrentará o Botafogo, às 16 horas, no Engenhão, pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.