Renato Gaúcho admite privilégios a Romário no Vasco

O técnico do Vasco, Renato Gaúcho, avisou nesta terça-feira que o único a ter privilégios no clube continuará a ser o atacante Romário. O treinador foi enfático: ?Aqui continua a ser o baixinho e mais dez?. Renato Gaúcho destacou que, tão logo Romário esteja liberado pela Fifa para atuar pelo Vasco e recupere seu condicionamento físico, participará normalmente como titular dos coletivos e amistosos da equipe. ?A exceção, o caso especial no Vasco, é o Romário e mais ninguém. O resto tem que ganhar a posição dentro do campo e não na garganta?, afirmou Renato Gaúcho. ?No momento que tiver a liberação, ele vai atuar no time principal, até para recuperar o mais rápido possível o ritmo de jogo.?Apesar de estar treinando em São Januário e o restante do elenco em Resende, Romário ainda depende de uma autorização da Fifa para defender o Vasco em partidas oficiais. O problema é que o jogador atuou por dois clubes, desde maio de 2006, e só poderia assinar contrato com um terceiro, quando completar um ano do primeiro vínculo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.