Renato Gaúcho adota discurso de despedida no Vasco

O técnico Renato Gaúcho adotou nesta sexta-feira um discurso de despedida às vésperas do jogo decisivo contra o Vitória, em São Januário. A partida deste domingo definirá se o Vasco permanecerá ou não na divisão de elite do futebol brasileiro. O treinador deixou bem claro que dificilmente continuará no clube cruzmaltino na próxima temporada. Para se manter na Primeira Divisão, o Vasco precisa vencer a equipe baiana e torcer por tropeços de pelo menos dois de seus adversários diretos na luta contra o rebaixamento: Figueirense, Atlético Paranaense e Náutico."Quero agradecer a todos vocês (da imprensa) pelo convívio. Peço desculpas por alguns excessos, às vezes levantei a voz e descontei os problemas nas pessoas", desabafou Renato Gaúcho, dizendo que ainda não foi procurado pela diretoria para renovar o contrato, que se encerra no fim do ano. "Gostaria que vocês (jornalistas) tentassem se colocar no meu lugar e entender o momento que o Vasco está atravessando. Vida de treinador é estressante", emendou. "Espero que no domingo eu só fale de coisas boas e que o Vasco permaneça na Primeira Divisão".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.