Renato Gaúcho fica satisfeito com empate na Libertadores

Técnico do Fluminense afirma que atletas demonstraram valor ao segurar o resultado na altitude

Efe,

21 de fevereiro de 2008 | 10h58

Após segurar um empate sem gols com a LDU de Quito na estréia na Copa Libertadores, o técnico Renato Gaúcho afirmou que o objetivo do Fluminense era não deixar a capital equatoriana com uma derrota. Veja também: Classificação Calendário / Resultados Fluminense estréia com empate na Copa Libertadores "O resultado favorece nossas intenções porque o conseguimos contra um grande adversário e na altitude de 2.850 metros da capital equatoriana", disse o ex-jogador em entrevista coletiva posterior à partida, pela chave 8. "Tivemos a chance de fazer gols, mas este empate é um bom resultado. O importante era não perder", comentou o treinador ao destacar a intenção de seus jogadores de tocar bem a bola para não levar gols. Para o técnico, o Fluminense chegou ao empate porque se organizou na defesa para esperar o adversário e sair nos contra-ataques, especialmente no segundo tempo. Renato Gaúcho destacou a atuação do goleiro Cevallos, para ele o "culpado" pelo fato de a equipe carioca não ter saído de Quito com a vitória.

Tudo o que sabemos sobre:
Copa LibertadoresFluminenseLDU

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.