Lucas Uebel/Grêmio
Lucas Uebel/Grêmio

Renato indica Alisson e Tardelli como titulares do Grêmio contra Juventude

Equipe tricolor vai entrar em campo no domingo, em Caxias do Sul, pela ida das quartas de final

Redação, Estadão Conteúdo

21 de março de 2019 | 20h46

Mesmo com a utilização de um time alternativo em boa parte dos jogos da fase de classificação, o Grêmio vai para os mata-matas do Campeonato Gaúcho com a melhor campanha - invicto e com quase 90% de aproveitamento depois de 11 rodadas. A partir de agora, o técnico Renato Gaúcho pretende usar seus titulares e no treinamento desta quinta-feira, no CT Luiz Carvalho, em Porto Alegre, indicou Alisson e Diego Tardelli na equipe principal para o jogo contra o Juventude, neste domingo, em Caxias do Sul (RS), pela rodada de ida das quartas de final.

Poupados na vitória de quarta-feira sobre o Pelotas, fora de casa, os jogadores considerados titulares na atualidade estiveram em campo nesta quinta. As exceções foram Marinho, que ainda sente dores de uma fisgada que teve na partida contra o Libertad pela Libertadores na semana passada, e Everton, com a seleção brasileira para amistosos da Europa. Alisson e Tardelli foram justamente os seus substitutos.

O time do Grêmio no treinamento desta quinta-feira foi: Paulo Victor; Léo Gomes, Paulo Miranda, Rômulo e Bruno Cortez; Darlan e Maicon; Alisson, Luan e Diego Tardelli; André. A outra equipe foi formada por jogadores da base com os acréscimos de Lincoln, Vico, Léo Moura, Thonny Anderson e o goleiro Julio César.

Para encarar o Juventude, o goleiro Paulo Victor sabe que agora começa um outro campeonato a partir das quartas de final. "A gente sabe de todos os números favoráveis que o Grêmio tem. São números expressivos tanto no ataque quanto na defesa, mas nada vai adiantar se não passarmos pelo Juventude. Não podemos também deixar de enaltecer o que temos feito. A nossa equipe é equilibrada. Sabemos da nossa qualidade, do que podemos fazer dentro do campo", avaliou.

"O Renato tem passado isso para nós jogadores, está conscientizando que agora é uma fase de mata-mata e a concentração tem que ser redobrada. Sabemos que qualquer bobeira não é perdoada porque pode causar uma eliminação", completou o goleiro gremista.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.