Lucas Uebel/Grêmio
Lucas Uebel/Grêmio

Renato Gaúcho reclama da falta de atitude do Grêmio na derrota para o Vasco

Sem citar nomes, técnico queixou-se de que parte da equipe entrou em campo dormindo

Estadão Conteúdo

23 de julho de 2018 | 09h42

O técnico Renato Gaúcho criticou a falta de atitude dos jogadores do Grêmio na derrota por 1 a 0 contra o Vasco no domingo, em São Januário, pela 14.ª rodada do Campeonato Brasileiro. O time carioca, mesmo com um jogador a menos desde o primeiro tempo - o lateral-esquerdo Henrique foi expulso - conseguiu sair de campo com o resultado positivo.

+ Treinador campeão gaúcho com o Novo Hamburgo em 2017 morre aos 54 anos

+ Jorginho destaca raça do Vasco em vitória e se diz feliz com desempenho da defesa

+ Marcelo Oliveira elogia Fluminense, mas pede mais regularidade aos jogadores

"Eles (Vasco) entraram com espírito de competir e a minha equipe não. E essa atitude geralmente tem de sobra na minha equipe. Espero que a gente aprenda com nossos erros. Uma equipe que quer ser campeã tem que competir em todos os jogos. Eles vão ser cobrados assim como eu sou cobrado. Temos que aprender com nossos erros", disse o treinador.

A crítica, na verdade, não foi para todo time. Sem citar nomes, Renato Gaúcho reclamou que parte da equipe entrou em campo dormindo. "Quando eles, esses três ou quatro, acordaram, já estava 1 a 0. Não merecemos nem empatar o jogo, a verdade é essa. Não adianta ter 70% de posse de bola. O Vasco ganhou merecidamente", disse.

O elenco do Grêmio volta aos treinos na tarde desta segunda-feira no CT Luiz Carvalho, em Porto Alegre. O time tricolor é o atual sétimo colocado, com 23 pontos, e volta a campo pelo Brasileirão na próxima quinta-feira, às 19h30, quando receberá o São Paulo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.