Repórter do 'Jornal da Tarde' é assaltado no Olímpico

Após descer do carro, Cosme Rímoli tem o relógio e os tênis roubados por torcedores do Grêmio

Martín Fernandez, de O Estado de S. Paulo,

02 de dezembro de 2007 | 14h44

O repórter Cosme Rímoli, do Jornal da Tarde, foi assaltado neste domingo na chegada ao Estádio Olímpico, quando iria cobrir o jogo entre Corinthians e Grêmio pelo Campeonato Brasileiro.   Devido ao grande número de torcedores, o carro que conduzia o jornalista parou nas imediações do estádio. Quando desceu, o repórter foi agredido por torcedores do Grêmio, que roubaram seu relógio e seus tênis.   Os torcedores também tentaram roubar a mochila com o laptop do jornalista, mas ele conseguiu proteger o equipamento até o estádio.   Cosme Rímoli sofreu ferimentos nas mãos e no braço, mas passa bem.   Gaviões da Fiel   Dirigentes da Gaviões da Fiel que foram para Porto Alegre de avião neste domingo por pouco não entraram em conflito com gremistas na portaria do Estádio Olímpico. Os corintianos estavam no local para adquirir pouco mais de mil ingressos reservados à torcida quando um grupo de gremistas se aproximou. A polícia militar teve de intervir e evitou o confronto. Os corintianos deixaram o estádio escoltados num camburão da PM com os ingressos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.