Reservas do Paulista vencem Avaí

Com oito reservas em campo, o Paulista voltou a vencer no Campeonato Brasileiro da Série B, neste sábado à tarde, o que não acontecia desde a terceira rodada da competição, quando goleou o Guarani por 4 a 0. Jogando em casa, no Estádio Jaime Cintra, o finalista da Copa do Brasil fez 2 a 1 no Avaí, que segue sem marcar pontos fora de Santa Catarina. O resultado não só tirou o time paulista da última colocação, como deixou-o fora também da zona do rebaixamento. O time é agora o 13.º colocado, com 11 pontos e, segundo o técnico Vágner Mancini, terá mais tranqüilidade para a final da Copa do Brasil, quarta-feira, no Rio. "Só de estarmos fora do rebaixamento já melhora a cabeça no jogo do Rio", explicou o treinador. O Avaí caiu para a oitava colocação, com 12 pontos. Mesmo com o time quase que todo formado por reservas, o Paulista começou o jogo esbanjando vontade. Depois de minutos equilibrados no início, o time da casa dominou o meio de campo e chegou naturalmente aos dois gols. Aos 31 minutos, Victor Santana acertou bom chute de fora da área, sem chance de defesa para o goleiro catarinense. Dois minutos depois os jundiaienses marcaram o segundo: o lateral Bosco, aproveitando-se de desatenção da defesa, mergulhou para marcar de cabeça. Na etapa final, o jovem time do Paulista continuou com vontade e segurava sem problemas a vantagem. O Avaí melhorou um pouco com a entrada do artilheiro Fábio Oliveira, que ficou na reserva por estar com dores nas costas. Aos 33 minutos ele mesmo tratou de marcar o único gol catarinense, em chute forte. Na próxima rodada, o Paulista volta a jogar em casa, contra o Sport, enquanto o Avaí recebe o Marília.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.