Resumo esportivo: São Paulo é o vice-líder do Campeonato Brasileiro

Ainda: seleção brasileira feminina de vôlei conquista o 10.º Grand Prix e Hamilton e Rosberg se envolvem em polêmica na Bélgica

O Estado de S. Paulo

24 de agosto de 2014 | 22h30

SANSÃO

O São Paulo contou com boa atuação de seu quarteto ofensivo para vencer o Santos por 2 a 1 no Morumbi. No primeiro tempo, Ganso fez um belo gol para abrir o placar. Gabriel, de pênalti, empatou o jogo, mas Alexandre Pato decretou a vitória tricolor.  

PALMEIRAS

O triunfo do Palmeiras por 1 a 0 sobre o Coritiba encerrou uma sequência de nove jogos sem vitórias no Campeonato Brasileiro. O time paulista, que começou a rodada na lanterna, sobe para o 16.º lugar, uma acima da zona do rebaixamento.

CORINTHIANS

Com a derrota do Internacional no sábado, o Corinthians tinha a chance de assumir o segundo lugar do Campeonato Brasileiro, mas o Grêmio foi superior e venceu o time alvinegro com dois gols de Barcos. O peruano Guerrero, que foi expulso no fim do jogo, descontou para os paulistas.

OUTROS JOGOS

No sábado, o Atlético-MG bateu o Internacional por 1 a 0, mesmo resultado aplicado pelo Botafogo em cima da Chapecoense. No domingo, o Fluminense, com dois gols de Fred, goleou o Sport por 4 a 0, enquanto o Flamengo fez 2 a 0 no Criciúma fora de casa. O Figueirense superou o Vitória em Salvador, enquanto Atlético-PR e Bahia não saíram do zero na Arena da Baixada. Por último, o líder Cruzeiro saiu na frente do Serra Dourada, o Goiás teve a chance de empatar no fim em uma cobrança de pênalti, mas David desperdiçou. Com o resultado, a equipe mineira tem sete pontos de vantagem sobre o São Paulo, novo segundo colocado do torneio.

FUTEBOL INTERNACIONAL

O principal acontecimento no futebol internacional foi a abertura do Campeonato Espanhol. Atual vice-campeão, o Barcelona mostrou que vai atrás do título ao bater o Elche por 3 a 0. Destaque da partida, Lionel Messi fez dois gols. Com lesão no tornozelo, Neymar foi desfalque. Por conta da final da Supercopa da Espanha na sexta-feira, Real e Atlético de Madrid jogam apenas nesta segunda. Outro torneio que também começou neste fim de semana foi o Alemão. Soberano nas últimas temporadas, o Bayern de Munique derrotou o Wolfsburg por 2 a 1. Principais candidatos a zebras, Borussia Dortmund e Schalke 04 decepcionaram ao perder para Bayer Leverkusen e Hannover, respectivamente.

Pelo Campeonato Inglês, o Chelsea bateu o Leicester por 2 a 0. O destaque da partida foi Diego Costa, que já marcou o segundo gol em duas rodadas. Assim como no último fim de semana, o Manchester United de Louis Van Gaal voltou a decepcionar, após empatar em 1 a 1, com o Sunderland. Para encerrar a rodada, Liverpool e Manchester City se enfrentam nesta segunda-feira. Na França, o Paris Saint-Germain voltou a decepcionar e apenas empatou com o lanterna Evian por 0 a 0. O Mônaco, outro time milionário do país gaulês conquistou seus primeiros três pontos no torneio ao bater o Nantes por 1 a 0. O líder do Campeonato Francês é o Bordeaux, que chegou aos nove pontos em três jogos após derrotar o Nice fora de casa. Na Holanda, Ajax e PSV, fizeram clássico em Amsterdam, que foi vencido pelos visitantes por 3 a 1.

VÔLEI

A seleção brasileira feminina de vôlei conquistou neste domingo o 10.º título do Grand Prix. Mesmo jogando com a torcida contra, em Tóquio, a equipe do técnico José Roberto Guimarães teve menos dificuldade do que esperava e derrotou o Japão por 3 sets a 0, com parciais de 25/15, 25/18 e 27/25.

FÓRMULA 1

O australiano Daniel Ricciardo voltou a desbancar a Mercedes neste domingo. O piloto da Red Bull deixou o alemão Nico Rosberg para trás e venceu o GP da Bélgica, no tradicional Circuito de Spa-Francorchamps, marcando seu terceiro triunfo na temporada 2014 da Fórmula 1. O finlandês Valtteri Bottas, companheiro de Felipe Massa na Williams, completou o pódio. O brasileiro, com problemas no carro, foi apenas o 13.º colocado.

Chefe da Mercedes, Toto Wolff classificou de "inaceitável" o toque de Nico Rosberg em Lewis Hamilton durante o GP da Bélgica de Fórmula 1, neste domingo. Preocupado e visivelmente insatisfeito com o episódio, o dirigente afirmou que colisões como esta "não vão mais acontecer" na equipe.

GP2

O brasileiro Felipe Nasr venceu a segunda corrida da GP2 na Bélgica neste domingo. Com uma largada espetacular, o piloto reserva da Williams na Fórmula 1 garantiu a vitória em Spa-Francorchamps, a três etapas para o fim da temporada - a cada etapa são disputadas duas provas, ou seja, restam seis no calendário de 2014.

USAIN BOLT

No Meeting Internacional de Varsóvia, disputado em pista coberta, Usain Bolt não teve dificuldades para vencer a prova de 100 metros, com o tempo de 9s98, mas longe de seu recorde mundial de 9s58. No entanto, no dia seguinte o velocista jamaicano surpreendeu ao anunciar que só voltará a correr em 2015, após correr em apenas três eventos desta temporada.

JUDÔ

O judô brasileiro já está na cidade de Chelyabinsk, na Rússia, para a disputa do Mundial, que começa nesta segunda-feira. A meta da Confederação Brasileira (CBJ) é o grupo masculino, que ficou com apenas uma medalha em 2013, melhore seu desempenho em relação ao feminino, que somou cinco. No primeiro dia, Felipe Kitadai, Eric Takabatake e Sarah Menezes já estreiam.  

JOGOS OLÍMPICOS DA JUVENTUDE

O Brasil continua tendo um bom desempenho nos Jogos Olímpicos da Juventude, realizados em Nanquim, na China. No sábado, o tenista Orlando Luz, de 16 anos, foi derrotado na final de simples e faturou a prata. Mas, no domingo, o atleta foi campeão de duplas, ao lado de Marcelo Zormann. Outro destaque foi a ginasta Flávia Saraiva, que aos 14 foi ouro no solo (13,766) e prata na trave (14,000). A delegação brasileira soma 13 medalhas, sendo cinco de ouro, sete de prata e uma de bronze. Os Jogos se encerram na próxima quinta-feira. 

PAN-PACÍFICO DE NATAÇÃO

Sem Cesar Cielo, a equipe brasileira, formada por João de Lucca, Marcelo Chierighini, Bruno Fratus e Nicolas Oliveira, ficou com o bronze no revezamento 4x100 metros livre no Pan-Pacífico, ficando atrás da equipe norte-americana, comandada por Michael Phelps, que ficou com o ouro, e dos anfitriões (prata). Fratus ainda conquistou o ouro nos 50 metros livre, com o tempo de 21s44, o melhor de sua carreira na prova.

TÊNIS

Antes do US Open, a checa Petra Kvitova bateu a eslovaca Magdalena Rybarikova por 2 sets a 0, parciais de 6/4 e 6/2, e levantou o trofeu no Torneio de New Haven. Em Winston-Salem, outro checo foi vitorioso: Lukas Rosol venceu o polônes Jerzy Janowicz por 2 sets a 1, de virada - 3/6, 7/6 (7/3) e 7/5. O último Grand Slam da temporada começa nesta segunda-feira.

 
Tudo o que sabemos sobre:
Resumo esportivo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.