Carl Recine/ Action Images via Reuters
Carl Recine/ Action Images via Reuters

Reta final do Inglês e Italiano agita disputa por título nos campeonatos europeus

Manchester City e Liverpool protagonizam rivalidade histórica na Inglaterra. Na Itália, Milan pode voltar a ser campeão após 11 anos

Redação, O Estado de S.Paulo

02 de maio de 2022 | 12h11

A disputa pelos títulos do Inglês e do Italiano nesta temporada está tão acirrada que os campeões podem ser definidos apenas na última rodada. Em abril, a maioria dos campeonatos já conheceu seus vencedores, como o Francês, Alemão e Espanhol, este conquistado pelo Real Madrid no último final de semana, mas não significa que não haja emoção reservada para os torcedores e amantes do futebol durante as próximas semanas.

Mais uma vez eletrizante, o Inglês volta a ter um domínio absoluto de Manchester City e Liverpool sobre os demais. Respectivamente líder e vice-líder, as equipes estão separadas por apenas um ponto, com quatro partidas a serem disputadas. Além disso, vêm de sequências impressionantes de invencibilidades: o time de Pep Guardiola não perde desde fevereiro, enquanto a última derrota da equipe de Jurgen Klopp foi ainda em dezembro do ano passado.

Assim como na temporada 2018/2019, a expectativa é que a decisão do título fique para a última rodada. Caso continuem vencendo todos os seus jogos, tanto City quanto Liverpool farão seu último confronto em casa, contra Aston Villa e Crystal Palace, respectivamente. Em 2019, o lado azul saiu vitorioso, ao vencer o Brighton por 4 a 1 e chegar aos 98 pontos, um a mais que o Liverpool.

Em abril, Klopp e Guardiola trocaram elogios. "Para mim, Guardiola é o melhor treinador do mundo. Se alguém ainda duvida dele, eu não sei como isso pode acontecer", afirmou o treinador alemão, enquanto Pep comentou que o "Liverpool é uma das melhores equipes de todos os tempos".

Na Itália, Milan e Inter, respectivamente líder e vice-líder, disputam ponto a ponto a liderança do Campeonato Italiano. Dois pontos separam os rivais e que, assim como na Inglaterra, podem decidir o título apenas na última rodada.

O Milan, dono de sete Ligas do Campeões, pode voltar a conquistar a principal competição do país após 11 anos, com a última tendo sido na temporada 2010/2011. Desde então, o clube passa por altos e baixos nessa última década e conseguiu a reestruturação nesses últimos dois anos. Além de liderar a competição, sob o comando de Stefano Pioli o Milan conseguiu voltar a disputar a Liga dos Campeões.

Já a Inter briga pelo bicampeonato, após conquistar a Serie A na última temporada. Apesar de não contar com Lukaku e Eriksen, líderes do elenco na última conquista, e Conte, que deixou o comando da equipe, Inzaghi conseguiu retomar o controle do time, que não iniciou a competição nas melhores competições. A Internazionale também disputará a final da Copa Itália, no próximo dia 11, contra a Juventus.

Virtulamente definido, o Porto está a um empate para conquistar o Campeonato Português já na próxima rodada, contra o Benfica. A equipe portista só não foi campeã antecipada neste fim de semana porque o Sporting, atual campeão e vice-líder, goleou o Gil Vicente por 4 a 1. Ainda há duas rodadas para disputar e seis pontos separam os clubes.

Títulos definidos na Alemanha, Espanha e França

Na Alemanha, o Bayern de Munique já consolidou o título do Campeonato Alemão, seu 10º seguido, e se tornou a primeira equipe a conquistar o feito entre as principais ligas da Europa. Na França, o Paris Saint-Germain, de Messi, Mbappé e Neymar, voltou a conquistar o Campeonato Francês, após ser vice-campeão para o Lille na última temporada.

No Campeonato Espanhol, o Real Madrid derrotou o Espanyol por 4 a 0 e conquistou seu 35º Campeonato Espanhol. Karim Benzema, artilheiro da competição, e Vinícius Junior foram os destaques. Já o técnico Carlo Ancelotti, que assumiu o comando do clube após deixar o Everton, se tornou o primeiro treinador a conquistar as cinco principais ligas europeias (Inglaterra, França, Itália, Alemanha e Espanha).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.