Thomas Kienzie/Reuters
Thomas Kienzie/Reuters

Retomada do Alemão tem golaço de brasileiro em vitória do Hertha Berlin

Matheus Cunha fechou em grande estilo a vitória por 3 a 0 do seu clube sobre o Hoffenheim

Redação, Estadão Conteúdo

16 de maio de 2020 | 14h50

Primeira grande liga europeia a ser reiniciada depois da paralisação por pouco mais de dois meses em razão da pandemia do novo coronavírus, o Campeonato Alemão voltou em alto nível. A goleada por 4 a 0 do Borussia Dortmund em cima do Schalke 04 no clássico do vale do Ruhr não foi o único destaque da 26ª rodada. O brasileiro Matheus Cunha também brilhou.

Matheus Cunha fechou em grande estilo a vitória por 3 a 0 do Hertha Berlin sobre o Hoffenheim, fora de casa. Em grande jogada individual, o brasileiro, mesmo pressionado próximo da linha lateral, se livrou da marcação com um belo drible de letra e avançou em velocidade. Ele invadiu a grande área e finalizou alto, forte, para marcar um belo gol aos 28 minutos da etapa final. Os outros dois tentos foram anotados pelo zagueiro alemão Akpoguma e pelo atacante bósnio Ibisevic.

Ibisevic acabou desrespeitando o protocolo de segurança da Bundesliga e pulou em cima do brasileiro na comemoração do gol. A maior parte dos jogadores respeitou as medidas de distanciamento nas celebrações do gol e evitaram abraços e apertos de mão tanto no começo quanto no final da partida.

Matheus Cunha balançou as redes pelo terceiro jogo seguido no Campeonato Alemão, considerando os empates com Werder Bremen e Fortuna Düsseldorf antes de o torneio ser suspenso devido à pandemia do coronavírus.

O gol deste sábado não foi o mais bonito da carreira do atacante. Paraibano de João Pessoa, Matheus Cunha ficou conhecido mundialmente após ter sido indicado ao Prêmio Puskas que a Fifa concedeu ao gol considerado o mais bonito da temporada de 2018/2019. Ele acabou não vencendo o prêmio e a honraria foi concedida ao húngaro Daniel Zsori, que superou Messi na disputa.

Revelado pelo Coritiba, o atacante foi contratado pelo Hertha Berlin em janeiro após se destacar no RB Leipzig. Ele teve bom desempenho com a camisa da seleção brasileira sub-23 no Pré-Olímpico da América do Sul, disputado na Colômbia, no começo deste ano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.