Revelação do Guarani prepara despedida

Nos últimos anos de administração do presidente José Luiz Lourencetti, a torcida se acostumou a ver as principais revelações do Guarani irem embora antes mesmo de virarem ídolos. Foi assim com Elano, Renato, Edu Dracena, Simão, Paulo André, Alex, Juninho, Rafael e Luiz Fernando Martinez. Neste sábado, diante do Santo André, em Campinas, a história pode acontecer novamente com o meia Héverton, que tem tido boas atuações no Campeonato Brasileiro da Série B. O jogador aceitou uma proposta para jogar no Gaziantepspor, da primeira divisão do futebol turco, que renderia ao Guarani cerca de US$ 500 mil (R$ 1,190 milhão) e seria utilizado para o pagamento de salários e diversos custos. "Eu estou contente com a negociação, porém triste em deixar o Guarani no meio da disputa da Série B", comentou o jogador, de apenas 19 anos. Além dele, o atacante Catatau, de 18 anos, e volante Roberto, um dos destaques da seleção brasileira Sub-20, também estão de saída. Enquanto isso, o técnico Luiz Carlos Ferreira segue preparando o time para pegar o Santo André. Com alguns jogadores contundidos, como Marcos Paulo e Vágner Carioca, e muita gente deixando o clube, o técnico deverá colocar em campo com a mesma base que formou diante da Anapolina, pela 11.ª rodada. A única mudança será a entrada do meia Tucho no lugar de Alexandre Salles. Com 13 pontos, o Guarani ocupa a 19ª posição.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.