Bruno Cantini/Atlético
Bruno Cantini/Atlético

Réver aponta clássico contra o Cruzeiro como 'jogo mais importante da vida'

Zagueiro destaca a necessidade de um resultado positivo para o time alvinegro se afastar ainda mais da ameaça de rebaixamento

Redação, O Estado de S.Paulo

07 de novembro de 2019 | 19h42

A vitória por 2 a 0 sobre o Goiás, na última quarta-feira, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, foi importante, mas ainda não resolve o problema do Atlético-MG de se afastar da zona de rebaixamento no Campeonato Brasileiro. Por isso, o zagueiro Réver considera o "jogo mais importante da vida" o clássico contra o Cruzeiro, neste domingo, às 16 horas, pela 32.ª rodada.

"O jogo, para nós, não pode ser diferente de uma final. É um jogo que pode decidir muita coisa para a gente. Então, é procurar fazer nosso melhor. O jogo contra o Goiás já ficou para trás. Agora, o jogo mais importante na nossa vida é o jogo do Cruzeiro", disse o defensor, nesta quinta-feira, em entrevista coletiva na Cidade do Galo, o CT do Atlético-MG.

Aos 34 anos, cinco deles com a camisa atleticana, Réver sabe a importância que tem o jogo contra o rival. "O clássico, a gente costuma dizer, não se joga, se vence. Espero que nós tenhamos essa frieza e agressividade que nós tivemos nos últimos jogos (contra Fortaleza, no empate por 2 a 2, e Goiás) para que a gente possa, sim, buscar o primeiro objetivo nosso (se afastar da degola) e depois dar uma sequência nesses últimos jogos que nos restam", afirmou.

A presença de mais de 38 mil torcedores na vitória sobre o Goiás garante para Réver um grande apoio da torcida atleticana no clássico, apesar de apenas 10% dos ingressos serem distribuídos para o time visitante. "Independentemente de ter 10% do estádio com nossa torcida, tenho certeza que vamos estar muito bem representados por esses 10%, até porque acredito que vão fazer muito barulho no Mineirão. Vão se sentir em casa. Eles vão estar representando milhões de torcedores", completou.

O Atlético-MG é o 11.º colocado com 39 pontos, enquanto que o Cruzeiro soma 34, na 14.ª posição. No primeiro turno, em agosto, a equipe alvinegra venceu por 2 a 0.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.