Divulgação
Divulgação

Réver não sabe se fica no Atlético-MG para a atual temporada

Zagueiro, que perdeu espaço com a ascensão do jovem Jemerson, celebra sondagens de Internacional, Palmeiras e Corinthians

Estadão Conteúdo

11 de janeiro de 2015 | 17h21

O zagueiro Réver está participando normalmente da pré-temporada do Atlético-MG, mas ainda não sabe se permanecerá em Belo Horizonte em 2015. Depois de um ano sofrido em 2014, quando sofreu com lesões e perdeu espaço na equipe, o jogador pode mudar de ares. Internacional, Palmeiras e Corinthians estariam interessados em seu futebol e ele celebrou as sondagens destes clubes.

"Fico feliz pelo interesse desses grandes clubes, mesmo voltando de lesão e ficando um bom tempo parado. Meu pensamento é trabalhar e ser feliz. Não sei o que vai ser definido, mas espero que seja o mais rápido possível, já está virando novela. Sou profissional, estou trabalhando, mas venho de um ano parado. Isso não é nada bom para o atleta que almeja coisas grandes na carreira", disse neste domingo.

Réver soube do interesse de outros clubes através da imprensa. Depois de tanto ler sobre as especulações, decidiu cobrar uma posição de seu empresário. "Procurei meu empresário e o coloquei contra a parede. Eles não gostam de falar nada para a gente, pois acaba atrapalhando nosso rendimento. Mas ele falou que tinham esses clubes, que poderiam estar me procurando", revelou.

Com o longo período afastado em 2014, Réver viu a ascensão de Jemerson, que assumiu a titularidade do Atlético-MG e se tornou um dos destaques da equipe. A tendência é que ele inicie o ano como reserva, caso permaneça por lá, e isso seria bastante prejudicial para um jogador que almeja voltar à seleção brasileira. Ainda assim, o zagueiro garante estar pensando apenas no time mineiro.

"Minha cabeça hoje está voltada ao Atlético-MG. Tenho contrato longo e sempre falei que queria cumpri-lo. O próprio Levir (Culpi) disse que gostaria que os jogadores resolvessem o mais rápido possível essas situações para manterem o foco. Então espero que isso se resolva o quanto antes. Será melhor para todo mundo", apontou Réver, que tem vínculo com o Atlético-MG até 2018.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.