Ribéry diz que não consegue seguir conselhos de Zidane

O meia-atacante Franck Ribéry é considerado, aos 23 anos, a maior revelação do atual futebol francês. E está em alta, principalmente depois de ter feito um dos gols na vitória da França por 3 a 1 sobre a Espanha, pelas oitavas-de-final da Copa do Mundo. Mas dá mostras de que seu futebol habilidoso e rápido é acompanhado por uma língua solta demais. Nesta terça-feira, por exemplo, ele fez pouco caso de ninguém menos que Zinedine Zidane.Ribéry deu a escorregada ao ser perguntado sobre os conselhos que recebe de Zidane. ?Ele me diz para dosar energia durante as partidas. Eu escuto, mas resisto a fazer o que diz. Resisto porque não sei me conter. Quero sempre atacar, não tenho receio de ir em frente. Ele sempre diz a mesma coisa."Na França, há uma corrente, formada por comentaristas e torcedores, que entende que o jogador que atualmente está no Olympique de Marselha (passou por outros cinco clubes antes) tem condição de ser o substituto de Zizou na seleção.Recentemente, Ribéry disse estar ?pronto e preparado" para tal missão e que não precisa dos conselhos de ninguém. ?Eu jogo o meu próprio jogo. Sempre acreditei em mim. Se começo a me questionar, as coisas ficam difíceis."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.