Ricardinho festeja atuação e gol

A boa estréia contra o Atlético-PR entusiasmou, mas não iludiu o jovem Ricardinho. "Eu sabia que poderia enfrentar a pressão da torcida, mas estava tranqüilo", contou o atacante de 20 anos, que substituiu o lesionado Osmar. "Acho que correspondi."O garoto realmente não decepcionou. Movimentou-se muito e deu trabalho à defesa rival. Mas não cobra vaga de titular. "Quem tem atuado é o Osmar", concluiu. Outros jogadores também festejaram. Pedrinho novamente foi aplaudido pela torcida e Lúcio, sempre criticado, foi destaque. A prova de que, quando o time vai bem, os torcedores não têm motivos para críticas. "O apoio deles vai ser importante, daqui para frente", disse o goleiro Sérgio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.