JF Diorio/ Estadão
JF Diorio/ Estadão

Ricardo Gomes é demitido do São Paulo

Decisão é tomada nesta quarta-feira, após reunião dos diretores do Morumbi

Estadão Conteúdo

23 de novembro de 2016 | 13h27

O São Paulo anunciou durante a coletiva de imprensa desta quarta-feira que o técnico Ricardo Gomes não é mais o treinador da equipe. A decisão foi anunciada depois da avaliação da diretoria sobre o trabalho do treinador. O São Paulo não corre mais risco de rebaixamento e tem poucas chances de brigar por vaga na Libertadores do ano que vem faltando duas rodadas para o fim do Brasileiro. Ricardo Gomes assumiu o São Paulo depois de fazer trabalho modesto no Botafogo. Ele largou o clube do Rio ao aceitar a oferta do tricolor.

O Estado divulgou recentemente, com exclusividade, que a diretoria do São Paulo 'preparava' a volta de Rogério Ceni na função de treinador do clube. O próprio presidente Leco admitiu a possibilidade. O ex-goleiro tricolor tem tudo para substituir o técnico que foi demitido, ele passou a se dedicar aos estudos, fez cursos na Europa e evitou os holofotes na reta final do Brasileirão, para não pressionar a diretoria do clube.

Na ausência de um treinador, o auxiliar Pintado irá assumir o comando do time temporariamente. Ao todo, Ricardo Gomes esteve à frente da equipe em 18 jogos, com números de seis vitórias, cinco empates e sete derrotas, aproveitamento de 43%. Levando em conta sua primeira passagem pelo Morumbi, entre julho de 2009 e agosto de 2010, somam 90 partidas: 44 vitórias, 20 empates e 26 derrotas, um total de 56,2% de aproveitamento.

Responsável pela divulgação da demissão, Marco Aurélio Cunha, diretor executivo do São Paulo, anunciou também que a escolha do próximo comandante da equipe será feita durante a pré-temporada, que acontecerá nos Estados Unidos. O auxilixar Luiz Otávio também foi dispensado.

NOTA OFICIAL DO CLUBE

O São Paulo FC informa que o técnico Ricardo Gomes deixa o comando da equipe principal. A decisão foi tomada nesta quarta-feira (23), após reunião no Centro de Treinamento da Barra Funda, e o treinador foi comunicado pela diretoria. O comandante encerra a sua segunda passagem pelo clube após 18 jogos.

“O São Paulo comunica que terá uma mudança no comando técnico: o Ricardo Gomes deixa o clube neste momento. Este é o momento mais adequado para esta mudança. A partir de agora pensaremos em novos planos e rumos dentro de uma ideologia que planejamos para 2017. Para a pré-temporada e, consequentemente, para a disputa da Flórida Cup teremos um novo treinador”, afirmou o diretor executivo Marco Aurélio Cunha.

Desde a sua reestreia no dia 21 de agosto, no empate com o Internacional (1 x 1), no Beira-Rio, foram seis vitórias, cinco empates e sete derrotas (42,5% de aproveitamento). Somando a sua primeira passagem, entre junho de 2009 e agosto de 2010, foram 90 partidas: 44 vitórias, 20 empates e 26 derrotas (56,2%).

Ao lado do treinador, o auxiliar Luiz Otávio também deixa o Tricolor. Desta forma, o auxiliar técnico Pintado assume interinamente o comando da equipe para os duelos com o Atlético-MG que será disputado no próximo final de semana, em Belo Horizonte, e com o Santa Cruz na rodada de encerramento do Campeonato Brasileiro de 2016.

A diretoria agradece ao treinador e deseja sorte na sequência de sua carreira.

Tudo o que sabemos sobre:
São Paulo FCSão Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.