Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Ricardo Gomes nega convite para assumir o Bordeaux

BORDEAUX - O brasileiro Ricardo Gomes negou nesta terça-feira que tenha sido contatado pelo Bordeaux para substituir o técnico Jean Tigana. O time não vence há seis jogos no Campeonato Francês - seu último triunfo foi em novembro - e é apenas o décimo colocado, 11 pontos atrás do líder, o Lille.

AE, Agência Estado

25 de janeiro de 2011 | 11h32

"Tenho muita admiração por Jeannot [como Jean Tigana é chamado na França], por tudo o que ele conseguiu. Ele veio passar alguns dias comigo quando eu era treinador do São Paulo. Conversei muito com ele e tenho certeza de que ele vai se dar bem no Bordeaux. Sou seu torcedor número 1", disse o técnico, em entrevista ao jornal francês L'Equipe.

Gomes, que está desempregado desde que saiu do São Paulo, em agosto de 2010, dirigiu o Bordeaux por dois anos, entre 2005 e 2007, e conquistou pelo clube a Copa da Liga Francesa,e em 2007.

Tigana está no Bordeaux desde o segundo semestre de 2010. Ele foi contratado para substituir Laurent Blanc, que assumiu a seleção francesa, mas não vem sendo muito criticado pelos torcedores e pela imprensa francesa pelos maus resultados do time.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.