Bruno Cantini/Atlético
Bruno Cantini/Atlético

Ricardo Oliveira revela alívio depois de vitória do Atlético-MG na estreia

'A partir desse princípio com vitória, a gente sai dessa pressão, dessa cobrança, era o que a gente precisava', desabafa atacante

Redação, Estadão Conteúdo

27 de abril de 2019 | 21h50

O sentimento de alívio tomou conta do estádio Independência, em Belo Horizonte, após a vitória do Atlético-MG sobre o Avaí por 2 a 1, neste sábado, na estreia do Campeonato Brasileiro. Bastante pressionado pela torcida, que protestou antes e durante a partida, o time mineiro deixou o gramado com um peso a menos nas costas.

"É maravilhoso ter essa sensação de começar ganhando. O Brasileirão é uma competição especial, então a melhor forma de começar é ganhar, independente de como foi a semana, como foi o jogo, o ambiente. A partir desse princípio com vitória, a gente sai dessa pressão, dessa cobrança, era o que a gente precisava", comentou o centroavante Ricardo Oliveira.

O Atlético-MG vem de duas semanas bastante pesadas, na qual viu a confiança com seu torcedor ruir. Primeiro, o time conheceu duas derrotas na Copa Libertadores, que culminaram com sua eliminação ainda na fase de grupos. Além disso, a equipe perdeu o título estadual para o rival Cruzeiro.

Por isso, antes da partida, as principais torcidas organizadas do Atlético-MG protestaram em volta do estádio Independência e não entraram para acompanhar a partida. Mesmo assim, o público foi de mais de 10 mil torcedores. O time volta a campo para enfrentar o Vasco, nesta quarta-feira, às 21h30, no Rio de Janeiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.