Rijkaard e Ronaldinho Gaúcho na mira da diretoria do Barcelona

Dirigente diz que clube catalão já sabe quais decisões tomará no final da temporada; torcida pressiona

EFE

30 de março de 2008 | 17h14

O secretário técnico do Barcelona, Aitor Begiristain, garantiu que a equipe catalã já tem clara a forma como agirá no final da temporada.Begiristain concedeu esta tarde uma entrevista à emissora "TV3", na qual destacou a derrota de 3 a 2 para o Bétis no último sábado, resultado que fez com que a equipe e o técnico Frank Rijkaard fossem insultados por centenas de torcedores neste domingo."As pessoas não querem palavras. O que as pessoas desejam são fatos. O Barcelona deve reagir", declarou o dirigente. Além disso, ele garantiu: "Rijkaard não colocou seu cargo à disposição do clube".Para Begiristain o fraco momento do Barcelona é produto, especificamente, de problemas na defesa. "Sente-se falta de consistência defensiva. A equipe tem capacidade de praticá-la, mas quando há uma adversidade fica no vazio", concluiu.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.