Rincón não vai disputar Copa América

O técnico da seleção colombiana Francisco Maturana optou por um time jovem para a disputa da Copa América - que será realizada no país entre 11 de 29 de julho. O treinador deixou de fora nomes consagrados como Freddy Rincón (Santos), Faustino Asprilla (Fluminense) e Juan Pablo Angel (Arsenal, da Inglaterra), além de Serna e Bermúdez (Boca Juniors). Ao invés dos experientes jogadores que atuam fora do país, Maturana chamou gente nova, que vem se destacando na liga local, como os atacantes Becerra, Arriaga e Elkin Murillo. Além deles, chamou os volantes Mauricio Molina, David Ferreira e Fabián Vargas e os zagueiros Andrés Orozco e Roberto Carlos Cortés, todos jovens valores do futebol colombiano.A responsabilidade de comandar os jovens ficou por conta de alguns poucos jogadores conhecidos chamados por Maturana, como o goleiro do Boca Juniors, Oscar Córdoba, Castillo (Vélez Sarsfield), Aristizábal (Deportivo Cali), Iván Córdoba (Inter, Itália) e Mario Yepes (River Plate). A Colômbia integra o grupo A do torneio, ao lado de Equador, Venezuela e Chile. A primeira edição da Copa América do século 21 será disputada nas cidades colombianas de Bogotá, Barranquilla, Cali, Medellín, Armenia, Pereira e Manizales.

Agencia Estado,

20 de junho de 2001 | 10h48

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.