Rio Branco derrota Cruzeiro em BH

Três dias depois de conquistar a Copa Sul-Minas, com a vitória sobre o Coritiba por 3 a 0, o Cruzeiro decepcionou os seus torcedores neste sábado à tarde, no estádio Independência, em Belo Horizonte, ao ser vencido pelo Rio Branco por 1 a 0, pela 9ª rodada do Campeonato Mineiro. Sem seis titulares, a equipe da capital apresentou-se mal e sofreu a primeira derrota para o adversário do interior depois de 12 anos. Com o resultado, o Rio Branco atingiu 15 pontos e chegou à terceira posição na tabela, deixando o Cruzeiro no quarto lugar, com 14, e praticamente garantindo classificação à próxima fase da competição.O Rio Branco surpreendeu o adversário já no primeiro tempo, tomando mais a iniciativa do jogo e, com forte marcação, procurou manter o Cruzeiro em seu campo de defesa. Mesmo assim, as melhores chances da etapa foram dos donos da casa, sempre nos contra-ataques. O zagueiro Cris quase marca aos 11 minutos, pegando a sobra de um escanteio na área do time de Andradas.O meia Jorge Wagner também por pouco não abriu o placar, aos 20 e aos 40 minutos, em chutes bem defendidos pelo goleiro Marcelo. O jogo ficou mais franco a partir dos 34, com as expulsões do cruzeirense Cris e do meia Souza, do Rio Branco. Na etapa final, o Cruzeiro tentou inverter a situação do primeiro tempo e exercer pressão sobre o adversário. Mas o Rio Branco se beneficiou disso e, no contra-ataque, abriu o placar. Aos 11 minutos, depois de cobrança de escanteio, o atacante Helberte surgiu bem na área e bateu alto, quase sem ângulo e sem chance para Bosco. O técnico do Cruzeiro, Luiz Felipe Scolari, colocou em campo os atacantes Adriano Chuva e Geovanni, que estava sendo poupado, para tentar reverter o placar. O time teve algumas oportunidades, mas falhou nas finalizações e esbarrou no goleiro Marcelo, que fez grandes defesas.No outro jogo deste sábado do Campeonato Mineiro, a URT bateu o Uberlândia por 2 a 1, em Patos de Minas. A rodada será completada neste domingo, com mais quatro partidas: o líder Atlético enfrenta o vice Mamoré, também em Patos de Minas; o América pega o lanterna Guarani, em Belo Horizonte; o Democrata enfrenta o Villa Nova, em Valadares; e a Caldense joga com o Ipatinga, em Poços de Caldas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.