Rio Branco e U. Barbarense fazem dérbi

União Barbarense e Rio Branco disputam nesta quarta-feira, em Santa Bárbara d?Oeste (SP), o clássico regional da 14.ª rodada do Campeonato Paulista. Os rivais, neste momento, lutam contra o rebaixamento. Ambos têm os mesmos 13 pontos, mas o Rio Branco contabiliza uma vitória a mais (quatro contra três), por isso ocupa a 15.ª posição, uma a mais que o adversário.O clima entre os dois times é de tranqüilidade depois da última rodada. O União Barbarense voltou a vencer após nove rodadas de jejum e de quebra mandou para o espaço a invencibilidade de oito meses que o Paulista mantinha em seu estádio. Já o Rio Branco vinha de sete derrotas consecutivas e conseguiu se recuperar goleando o Mogi Mirim por 4 a 1. Agora, a meta dos adversários é manter a seqüência para somar o máximo de pontos e se distanciar da zona de rebaixamento.Outro atrativo para o clássico é o longo jejum de vitórias do Rio Branco neste clássico. Sua última vitória em dérbis aconteceu no Campeonato Paulista de 2002, por 2 a 1, em confronto disputado em Americana. A partir daí, as duas equipes se enfrentaram dez vezes, com quatro vitórias do União Barbarense em estaduais, um empate e outras três vitórias pelo Campeonato Brasileiro da Série C. O time de Santa Bárbara d?Oeste ainda venceu dois jogos pela Copa Federação Paulista de Futebol. No ano passado, para se ter uma idéia, o Rio Branco não conseguiu vencer o rival em sete partidas disputadas: foram seis derrotas e um empate. O técnico Leandro Campos, do Barbarense, tem problemas no ataque. Os atacantes Zaltron, que se recupera de uma fissura na tíbia da perna direita, e Tinho, que sofreu uma lesão no joelho direito na partida diante do Paulista, devem ficar de fora. O setor ofensivo deve ser formado por Brener e pelo experiente Gilson Batata. O técnico Zé Teodoro, do Rio Branco, não poderá contar com o lateral-esquerdo Marcos Paulo e com o zagueiro Max Sandro, que estão suspensos. Para seus respectivos lugares, devem entrar Jorginho e Pedro Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.