Rio Branco vence Lusa e ainda respira

O Rio Branco venceu a Portuguesa por 2 a 0 neste domingo, em Americana, e além da fugir da lanterna do Grupo 1 continua com chances de classificação para a próxima fase do Campeonato Paulista. O time de Americana está em sexto lugar, com nove pontos, ao lado da própria Lusa."Provamos para muita gente que temos um bom time. E não vamos amargar o rebaixamento", desabafou o técnico Júlio Espinosa, que passou a semana toda debaixo de forte pressão em Americana.A necessidade de vencer impulsionou o Rio Branco, que logo mostrou a que veio. Aos cinco minutos, Paquito acertou a trave de Gléguer e dois minutos mais tarde, Goiano, sozinho perdeu a chance de abrir o placar. O Rio Branco continuava com ímpeto, mas con tinuava perdendo chances de gol. Aos 40 minutos, Rivaldo chutou na marca do pênalti, mas Lucas Souza salvou em cima da linha.De tanto insistir, o Rio Branco chegou ao primeiro gol. A defesa da Lusa saiu jogando errado e Almir cruzou para Paquito de cabeça, fazer o primeiro. O Rio Branco continuava superior no segundo tempo, mas continuava errando muito nas finalizações.Aos 36 minutos porém, o tão esperado gol veio. Pituco sofreu entrada de Bruno e o árbitro Paulo César de Oliveira marcou pênalti. Rafael bateu e deu números finais a partida.Na última rodada, o Rio Branco enfrenta a Ponte Preta, em Campinas, enquanto a Portuguesa receberá o América, no Canindé, em São Paulo.

Agencia Estado,

07 de março de 2004 | 18h52

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.