Rio Preto acusa árbitro de agressão

A diretoria do Rio Preto anunciou nesta segunda-feira que irá entrar com uma ação no Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) contra o árbitro Bernardino Demônico Junior, que apitou a partida em que o time foi derrotado por 4 a 3 pelo Botafogo, domingo, em Ribeirão Preto. A acusação é de que ele teria dado uma cabeçada no goleiro João Paulo, do Rio Preto, no jogo válido pela 13ª rodada do Campeonato Paulista da Série A2.Aos 32 minutos do segundo tempo, Bernardino Demônico expulsou o goleiro do Rio Preto por agredir com um tapa um gandula que demorava para repor a bola. Mas, de acordo com a acusação do clube, o árbitro teria dado uma cabeçada em João Paulo antes de lhe mostrar o cartão vermelho.Jairo de Oliveira, supervisor de futebol do Rio Preto, revelou que uma fita com imagens do jogo foi pedida a uma emissora de TV para ser enviada à Federação Paulista de Futebol (FPF) junto com a ação contra o árbitro.Independente disso, o Rio Preto continua sua rotina contra o rebaixamento para a Série A3. O time é vice-lanterna do grupo 1, com apenas 11 pontos ganhos.

Agencia Estado,

18 de abril de 2005 | 16h31

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.