Divulgação
Divulgação

Risco de perder Daniel Alves na Copa América Centenário preocupa

'Estou há seis meses com dores,' declarou o jogador

Almir Leite e Gonçalo Junior, Estadão Conteúdo

24 de maio de 2016 | 13h53

A possibilidade de perder Daniel Alves deixou Dunga bastante preocupado. Afinal, o jogador do Barcelona é um dos líderes do grupo que montou para a Copa América Centenário, encarregado entre outras coisas de passar aos outros atletas as instruções durante a partida e de relembrá-los daquilo que é feito nos treinamentos. Se o lateral-direito for mesmo cortado por causa das dores que sente no calcanhar, Fagner, do Corinthians, será chamado.

Daniel Alves irá se apresentar nesta quarta-feira, como estava programado. Entregará aos médicos da seleção relatório feito pelos médicos do Barcelona e passará por avaliação que decidirá se permanece ou não no grupo.

Dunga já sabia que o lateral sofre com as constantes dores, decorrência de uma fascite plantar. Mas, nos últimos contatos feitos com o jogador, a comissão técnica recebeu sinais positivos. Daniel Alves disse o mesmo que afirmou em entrevista coletiva nesta terça-feira: que as dores incomodam, mas não o impedem de jogar.

"Estou há seis meses com dores. Elas incomodam, mas não me impedem de jogar. Temos feito tratamento para jogar. É uma honra servir à seleção e, por isso, quando te chamam não há cansaço (que atrapalhe)", declarou o jogador.

O problema que aflige Dunga e os integrantes da comissão técnica e que Daniel Alves também afirmou que se não estiver 100% fisicamente não jogará a Copa América. Como ele não se apresentará em perfeitas condições, a expectativa aumentou.

Ironicamente, no ano passado Daniel Alves não fazia parte do grupo inicial que disputou a Copa América no Chile. Já estava de férias e só foi chamado porque o lateral-direito Danilo se machucou em um amistoso preparatório contra o México, disputado em São Paulo. Acabaria virando titular.

Fagner vai ser o substituto de Daniel Alves, se for o caso, porque está entre os 40 pré-inscritos pela CBF para disputar a competição.

Tudo o que sabemos sobre:
Daniel AlvesBarcelonaCopa AméricaCBF

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.