JF Diorio/Estadão
JF Diorio/Estadão

Risco de perder vaga no São Paulo não abala Jadson

Meia ressaltou que todos os jogadores do elenco tem condição de serem titulares

AE, Agência Estado

23 de agosto de 2013 | 18h25

SÃO PAULO - Durante a semana, o técnico Paulo Autuori chegou a testar o time do São Paulo sem o meia Jadson, até então inquestionável na posição. Apesar disso, a tendência é que ele o mantenha entre os titulares para o jogo deste domingo, contra o Fluminense, no Morumbi, pelo Brasileirão. Mas o jogador já disse não se abalar com a possibilidade de ir para o banco de reservas.

"O Paulo (Autuori) é muito correto em suas atitudes e tem o respaldo de todo o grupo. Ele tem demonstrado confiança e estou tentando mostrar o meu trabalho. Infelizmente não consegui fazer o gol contra o Flamengo (perdeu pênalti no empate da última rodada), mas estou de cabeça erguida para continuar fazendo o meu trabalho. Todos os jogadores do elenco têm condições de jogar, como o Lucas Evangelista e o Ademilson, e quero ajudar mesmo se começar do banco", avisou Jadson.

O São Paulo já soma 12 jogos sem vitória no Brasileirão, o que o derrubou para a penúltima colocação, com apenas 11 pontos. Mas Jadson mostra confiança e otimismo para sair da péssima situação. "A questão de superação e de querer ganhar é de toda a equipe. Estamos tentando e buscando isso nos jogos e demonstramos uma boa evolução na defesa e no ataque. Sei que estamos no caminho certo e espero que nesse jogo a gente possa vencer para iniciar a nossa arrancada. Queremos deixar a zona do rebaixamento e brigar pelas primeiras posições, porque a competição está muito embolada ainda", disse o meia.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão Paulo FCJadson

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.