Jorge Saenz/AP
Jorge Saenz/AP

Rival do Grêmio na Libertadores, time paraguaio demite técnico horas após golear

Leonel Álvarez deixa o paraguaio Libertad após equipe fazer 4 a 1 sobre a Universidad Católica, em estreia no torneio

Redação, Estadão Conteúdo

06 de março de 2019 | 16h58

Somente horas depois de estrear goleando a Universidad Católica na Libertadores, o técnico Leonel Álvarez foi demitido do Libertad. Nesta quarta-feira, o clube paraguaio surpreendeu ao anunciar a saída do colombiano momentos depois do triunfo por 4 a 1 na terça, no Paraguai.

"Ele (Álvarez) não cumpriu dois ou três quesitos gerais estabelecidos no contrato e por isso foi retirado do cargo", declarou Gerardo Acosta, advogado do clube. "Não direi quais foram estes quesitos, mas o clube espera que Álvarez aceite dialogar com os dirigentes para definir a indenização."

Ex-meia da seleção colombiana, que disputou a Copa do Mundo em 1990 e 1994, Álvarez estava há quatro meses no Libertad. Neste período, classificou o time à fase de grupos da Libertadores, ao eliminar o The Strongest e o Atlético Nacional, e estreou com vitória no torneio, mas não foi bem no Campeonato Paraguaio, no qual deixa a equipe na oitava colocação.

De acordo com veículos da imprensa paraguaia, Álvarez vinha se desentendendo com alguns jogadores e com membros da direção do Libertad. Nesta quarta-feira, ele e seu auxiliar, Rubén Darío Bedoya, chegaram a ir à sede do clube, mas foram impedidos de entrar.

"Viemos para o treino das 7h30, mas não nos deixaram entrar. Isto não nos parece profissional, nos deixa indignado. Isso nos surpreendeu, porque se há uma determinação, deveriam deixar que a gente entrasse para retirar nossos pertences. É desrespeitoso", disse Bedoya à Rádio 730AM.

O Grêmio será o próximo adversário do Libertad na fase de grupos da Libertadores. As equipes se enfrentarão pela segunda rodada da chave H, na terça-feira que vem, na Arena, em Porto Alegre.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.