Rivaldo afirma que oferta do Usbequistão foi 'irrecusável'

Jogador brasileiro, campeão da Copa de 2002, pede desculpas para a torcida do AEK Atenas, da Grécia

EFE,

26 de agosto de 2008 | 18h34

O meio-campo Rivaldo, campeão da Copa do Mundo de 2002 pela seleção brasileira e que trocou o AEK Atenas, da Grécia, pelo Bunyodkor, do Usbequistão, disse nesta terça-feira que a oferta foi "irrecusável".Veja também: Rivaldo vai jogar no futebol do Usbequistão  Dê o seu palpite no Bolão Vip do Limão"Peço desculpas à torcida do AEK, mas não posso recusar uma oferta assim", comentou o atacante à rádio grega "NovaSport FM".Rivaldo, que conquistou duas vezes o Campeonato Espanhol pelo Barcelona e já levou a Bola de Ouro em 1999, estava no futebol grego há quatro temporadas, mas defendeu o Olympiakos nas três anteriores."Foi um dia complicado. Tive que tomar uma difícil decisão", disse o meia, que já defendeu Palmeiras, Corinthians e Cruzeiro, entre outros clubes.O jogador explicou que a quebra do contrato com o AEK foi mútua, mas não quis falar sobre os valores da proposta.OUTRO LADOO AEK, no entanto, insiste que Rivaldo continuará no clube se o técnico Georgos Donis não conseguir achar um substituto para ele."Rivaldo deseja sair. No entanto, independente do que diga, ele ainda tem um contrato com o AEK até o final desta temporada e ele só sairá se o clube conseguir um substituto", afirmou um porta-voz do time."Se ele de fato partir, isso ocorrerá com uma taxa de transferência e não como uma transferência livre."Na quinta-feira, o AEK enfrenta o Omonia, do Chipre, no jogo de volta da segunda rodada da fase classificatória da Copa da Uefa. A equipe de Atenas perdeu o primeiro jogo por 1 a 0.Rivaldo, integrante da seleção brasileira que conquistou a Copa do Mundo em 2002, chegou à Grécia em 2004 e ficou três temporadas no Olympiakos antes de passar ao AEK, no começo da temporada passada.

Tudo o que sabemos sobre:
RivaldofutebolUsbequistão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.