Rivaldo desembarca 5ª feira em Milão

O Milan pretende receber Rivaldo em grande estilo. O astro contratado no sábado à noite desembarca em Milão na quinta-feira e deve ser cercado de atenção e festa. Há possibilidade de que seja apresentado à torcida no Estádio Giuseppe Meazza, local em que a equipe manda suas partidas. A ordem para preparar recepção digna de campeão do mundo foi dada por Silvio Berlusconi, presidente e dono do time, além de primeiro-ministro da Itália. O supercartola e político teve participação decisiva nas negociações, ao enviar para São Paulo o diretor-geral Airedo Braida para discutir a transferência com o jogador e seus procuradores. Se os compromissos oficiais permitirem, Berlusconi fará pessoalmente as honras da casa. O dirigente manteve-se informado de todas as etapas da negociação, por meio de telefonemas que recebia do vice-presidente Adriano Galliani. E, em declarações no site oficial do clube, deixou claro o que espera do ídolo. ?Há muito tempo admiro o futebol dele?, afirmou. ?Eu dizia que seria uma honra tê-lo em nosso clube. Agora, para minha felicidade e a dos torcedores, vejo que o sonho se torna realidade.? O acerto ocorreu no sábado, depois de três dias de muita conversa, propostas e pretensões. O Milan foi mais objetivo do que outros pretendentes ? falou-se em Real Madrid, Newcastle e Manchester United ? e obteve o direito de contar com o vice-artilheiro do Brasil na Copa (5 gols) por três temporadas. O salário será de US$ 4 milhões líqüidos por ano, abaixo dos US$ 6,5 milhões que recebia do Barcelona. Se tudo correr bem, Rivaldo estréia no Milan no dia 14 de agosto, diante do Sloban Liverec, da República Checa, pela fase prévia da Liga dos Campeões da Europa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.