Rivaldo traz glamour ao Mineiro 2004

O Campeonato Mineiro 2004, que começa nesta quarta-feira com cinco partidas, está cercado de expectativas. Ao contrário das últimas edições, quando foi desvalorizado ao limite por parte dos dirigentes, esse ano a competição promete levar mais emoção ao torcedor. Isso porque, os clubes mineiros, principalmente Atlético-MG e Cruzeiro, estão dispostos a fazer da competição um laboratório para a preparação dos elencos, antes das disputas nacionais e internacionais como à Taça Libertadores, a Sul-americana, a Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro.Porém, não querem se esquecer da eterna rivalidade, renovada a cada ano, com algumas surpresas do interior do estado. Dos 14 participantes do Estadual, 11 clubes são do interior - Cruzeiro, Atlético e América representam a capital. A grande maioria dos times do interior farão um investimento de, no máximo, R$ 50 mil, para os quase três meses de disputa.As "estrelas" receberão entre R$ 600 e R$ 1 mil para defender os clubes de fora da capital. Valores bem inferiores aos investidos pelo favorito ao título, o Cruzeiro, justamente o clube que mais desvalorizou a competição nos últimos anos. "Aquilo de campeonato rural foi um desabafo, pois o campeonato era deficitário. Não queríamos falar mal do interior do estado", explicou presidente do Cruzeiro, Alvimar de Oliveira Costa.Responsável por movimentar o cenário mundial, com a contratação do atacante Rivaldo, a Raposa chega para a disputa como o atual campeão brasileiro. Além de Rivaldo, que receberá cerca de R$ 230 mil de salário, o clube contratou o ex-atleticano Guilherme e o atacante Lima, que estava no Coritiba, para se juntar ao time de Alex, sob o comando de Vanderlei Luxemburgo.Diante de um adversário cheio de nomes reconhecidos, o rival Atlético espera surpreender, levando o título da competição, após três anos de jejum, com um time formado por uma legião de desconhecidos. O clube contratou nada menos do que 13 reforços, além do técnico Paulo Bonamigo, que tem a responsabilidade de colocar na história do clube um grupo de jogadores que buscam reconhecimento no futebol brasileiro, como o atacante Nilson Sergipano, que veio da Série C, e o volante Walker, ex-Ajax, da Holanda, o zagueiro Adriano, ex-América-MG, e o volante Zé Luís, destaque no Marília na Série B.O goleiro Velloso, e seu principal reforço, o atacante Alex Mineiro, campeão brasileiro de 2001 pelo Atlético-PR, são as maiores apostas do Galo. "Será um campeonato mais atrativo, e com certeza o número de público vai aumentar, pela forma que o torcedor já está acostumado a ver uma final com duas equipes chegando para disputar o título", disse o goleiro de 36 anos. Dos clubes da capital, o América foi aquele que menos investiu para a disputa do Mineiro e preferiu apostar em jovens das categorias de base.Por isso, a diretoria contratou pouco. Além do técnico Gaúcho, o Coelho também trouxe reforços modestos, como o goleiro Caetano, ex-Vasco, e o lateral-esquerdo Renato, com passagens pelo São Paulo e Monterrey, do México. "Aposto no sucesso dessa garotada. São jogadores desconhecidos por serem jovens, mas temos condições de realizarmos um grande campeonato. Com mais uma ou duas contratações, o time estará pronto", afirmou o treinador Gaúcho.Fórmula - Em relação à fórmula de competição, os dirigentes apostam numa final, entre dois times, em duas partidas, descartando os postos corridos, como em 2003. Outra novidade é que serão rebaixados quatro equipes, ao invés de duas.Na primeira fase, os 14 participantes enfrentam-se em turno único. Os quatro melhores classificados passam às semifinais (o primeiro colocado pega o quarto, e o segundo joga com o terceiro), que serão disputadas em jogos de ida e volta. Os dois vencedores fazem à final - o segundo e decisivo jogo será em 18 de abril. Os quatro piores posicionados na tabela disputarão a Segunda Divisão em 2005.

Agencia Estado,

20 de janeiro de 2004 | 19h13

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.