River é punido por violência da torcida na Libertadores

A Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) multou nesta quarta-feira o River Plate em US$ 30 mil, por causa da confusão que os torcedores do time argentino causaram no jogo de terça, contra o Libertad, em Assunção, no Paraguai.Revoltados com a desclassificação da equipe nas quartas-de-final da Copa Libertadores, os torcedores do River começaram um tumulto provocando a torcida local e partindo para cima dos cerca de 15 policias que ficaram recuados na grade que divide as duas torcidas. Pedras e pedaços de cadeira viraram armas nas mãos dos argentinos, que ainda usaram cacetetes arrancados das mãos dos policiais. O controle da situação dentro do estádio só ocorreu depois que os policiais deram tiros com balas de borracha nos torcedores.O jogo, cujo placar anotava 3 a 1 para o Libertad, teve de ser suspenso pelo árbitro Rubén Selman aos 40 minutos do segundo tempo. E a confusão continuou do lado de fora do Estádio Defensores del Chaco. Seis torcedores e cinco policias ficaram feridos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.