Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Roberto Carlos admite ajudar o União

Quando a fase é ruim, nada de bom acontece. É o caso do União São João, lanterna do Campeonato Brasileiro da Série B e o mais sério candidato ao rebaixamento para a Série C em 2004. Mesmo do outro lado do Oceano Atlântico, na Espanha, o lateral Roberto Carlos mandou seu recado: não pretende comprar o clube, mas aceita ceder sua imagem para ser explorada pelo time de Araras, que nesta terça-feira mudou de técnico. Segundo Roberto Carlos, o União tem muitas dívidas e não seria um bom negócio comprá-lo. Apesar disso, a diretoria avalia o clube em US$ 12 milhões. No estádio Hermínio Ometto as declarações do titular do Real Madrid e da seleção brasileira foram bem recebidas. A participação, mesmo indireta, do craque seria bem vinda para a recuperação do clube, um dos pioneiros na história como clube-empresa e vítima direta da Lei Pelé. "É importante a gente saber que existem pessoas, como o Roberto Carlos, preocupadas com o futuro do União", comentou o presidente José Mário Pavan. Técnico novo - Enquanto a ajuda do ex-craque não vem, o dirigente se vira como pode. E no estilo mais usual: trocou de técnico. Demitiu Roberto Cavallo após a goleada de 5 a 1 para o Palmeiras, no Parque Antártica, e nesta terça-feira cedo apresentou Play Freitas. O novo técnico já trabalhou nas divisões de base do time ararense, também dirigiu o time principal e estava como auxiliar técnico de Lula Pereira, no Avaí, de Santa Catarina. Antes dele, passaram pelo clube: Paulo Roberto Santos, Luis Carlos Cruz e Roberto Cavallo. "Enquanto houver uma luz no final do túnel nós vamos atrás dela. Temos que acreditar até o fim", disse o técnico. Mas a situação é complicada. O União soma apenas 11 pontos e disputará mais 15 pontos, em cinco jogos. Seu próximo jogo será contra o Ceará, sexta-feira, em Araras. Como os dois últimos colocados serão rebaixados, o União é o virtual candidato.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.