Roberto Carlos diz que Robinho ficará de fora contra Gana

Apesar da CBF ainda falar que o atacante Robinho está sob tratamento de sua lesão muscular na coxa direita e que tem chances de jogar, o lateral-esquerdo Roberto Carlos resolveu acabar com as dúvidas e disse, neste domingo, que o seu companheiro de Real Madrid não vai estar nem no banco de reservas contra Gana, na terça-feira, em Dortmund, pelas oitavas-de-final da Copa do Mundo. "Quando ele sentiu a dor, já vi que não era simples. Tenho 20 anos de futebol. Não tem como se recuperar a tempo por mais que seja apenas uma dor", afirmou o jogador.Roberto Carlos acredita que o colega precisa de paciência para se tratar bem e voltar inteiro à seleção. "Ele precisaria de uns 3 ou 4 dias, no mínimo, para se recuperar bem e estar 100%", contou o lateral, que teme pelo agravamento da lesão se Robinho resolver forçar e voltar a treinar sem estar totalmente recuperado.Confiante na classificação às quartas-de-final, Roberto Carlos revelou que procurou tranqüilizar Robinho. "Estou falando todo o tempo com ele. Está bem, mas só sente um pouco de cansaço. Já falei pra ele descansar e passando dessa fase, vai poder voltar", disse o lateral, que ficou espantado com o fato de a lesão ocorrer numa jogador jovem. "Estou surpreso um menino tão novo ter lesão muscular. Mas ele sabe que pode se recuperar rapidamente", comentou.Para cuidar de sua lesão na coxa direita, Robinho não participará do treinamento deste domingo, novamente em Bergisch Gladbach. O atacante passará o dia fazendo tratamento com o fisioterapeuta Odir de Souza.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.