Roberto Carlos fala em deixar o Real

O lateral Roberto Carlos ficou furioso com o fato de ter ficado no banco de reservas na partida de sábado passado contra o Racing, pelo Campeonato Espanhol e já admite deixar o Real Madrid. Segundo informa o jornal ?El País? desta terça-feira, o brasileiro teria procurado o diretor esportivo do clube, Emilio Butragueño, pedindo que ele facilite a rescisão de seu contrato, que só termina no final da temporada 2007. Contratado em 1996, o lateral jamais havia sido colocado na reserva.As especulações continuam também no diário ?As?. A publicação diz que Roberto gostaria de sair já em janeiro, aproveitando a abertura mercado de inverno. Esta não é a primeira vez que Roberto Carlos fala em sair do Real. Já há algum tempo, ele reclamava salário igual ao de outros astros do time - casos de Raúl, Luis Figo, Zidane, Ronaldo e David Beckham, que ganham seis milhões de euros por ano cada um.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.