Roberto Carlos: polêmica à vista

Dizendo-se cansado de ser mal-interpretado pela torcida e pela mídia, o lateral-esquerdo Roberto Carlos, do Real Madrid, chega nesta terça-feira ao Brasil para integrar-se ao grupo da seleção brasileira que treina na Granja Comary, em Teresópolis. Sua apresentação ao técnico Luiz Felipe Scolari está marcada para quarta-feira pela manhã. Para variar, o jogador chega envolvido em nova polêmica. Depois de o novo técnico da seleção ter dito, logo que assumiu o comando, que exigiria de sua equipe o mesmo espírito demonstrado pelo tenista Gustavo Kuerten, ou seja, muita garra e amor ao que faz, o lateral respondeu. "Eu disse que jogo pela minha família. Essa história de amor à camisa não existe mais", afirmou. "Mas é claro que estar na seleção brasileira é sempre motivo de muita satisfação profissional." Roberto Carlos também disse que sua volta à equipe não está sendo precipitada. Ele foi convocado por Leão para os amistosos disputados contra Estados Unidos e México, em março. Mas sua última atuação em um jogo oficial aconteceu no dia 15 de agosto do ano passado, em Santiago, na derrota por 3 a 0 para o Chile, pelas Eliminatórias. Agora ele volta a ser convocado, mas apesar disso, faz questão de ressaltar que sua responsabilidade ainda é maior quando está no clube. "No Real minha responsabilidade é maior, pois é diária. Na seleção, só de vez em quando", explicou. Sobre seu nome estar constantemente misturado às polêmicas, ele se mostrou acostumado ao problema. "Não me preocupo mais com declarações dos outros", garantiu. "Tem sempre muita gente querendo me derrubar, mas não conseguem.? Entre as confusões mais famosas do lateral, estão o desentendimento com Romário, com quem fez um pacto para que não se falem, porém se suportem, e as declarações sobre o estado de saúde de Ronaldo na final da Copa do Mundo de 98. Na época, o próprio atacante pediu para que Roberto Carlos não falasse mais sobre o assunto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.