Roberto Carlos quer retornar à seleção brasileira

'Não iria apenas para ficando andando... sei que posso ser titular', diz o jogador, que se recupera no Palmeiras

Agência Estado,

29 de abril de 2008 | 21h48

O lateral-esquerdo Roberto Carlos, que se recupera de uma fratura na perna esquerda e realiza tratamento no Palmeiras, disse que quer voltar a jogar pela seleção brasileira e se colocou à disposição do técnico Dunga. "Se ele me chamar, eu vou. Sei que tenho condições. Não iria apenas por ir, para ficando andando em campo. Sei que posso ir e brigar pela vaga de titular", disse o lateral-esquerdo de 34 anos, execrado após a eliminação do Brasil na última Copa do Mundo. Apesar de realizar tratamento no Palmeiras, Roberto Carlos não pretende permanecer no clube, mesmo com o técnico Vanderlei Luxemburgo e o atacante Denilson tentando convencê-lo a ficar no clube. "A possibilidade de retorno existe, mas não seria correto falar agora, pois ainda tenho dois anos de contrato com o Fenerbahce, com possibilidade de renovação por mais dois." Roberto Carlos garante, no entanto, que o Fenerbahce não criaria qualquer problema, caso ele desejasse retornar ao futebol brasileiro. "O Palmeiras teria que negociar comigo, pois eu tenho uma cláusula que me permite rescindir meu contrato. Só que eu penso em continuar no futebol turco.

Tudo o que sabemos sobre:
Roberto Carlosseleção brasileira

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.