Roberto Carlos volta a pedir desculpas

Se arrependimento matasse... Roberto Carlos não faz outra coisa, desde sábado, a não ser desculpar-se pela peitada em Alon Yefet, árbitro do amistoso em que o Brasil perdeu para Portugal por 2 a 1. O campeão do mundo já havia tentado explicar-se na segunda-feira, ao retomar os treinos com o Real Madrid, e voltou a fazer ?mea culpa? nesta quarta-feira, antes do jogo da Espanha com a Armênia, pelas eliminatórias da Euro-2004. "Se fiz algo de mau, peço perdão de novo", disse Roberto Carlos, em León, local da partida dos espanhóis.Ele foi ao estádio oficialmente para acompanhar alguns de seus companheiros de clube em ação pela "Fúria". Mas se especulou que tentaria encontro com Yefet, designado pela União Européia de Futebol para dirigir o duelo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.