Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Robinho abriu mão de sua parte na venda

Para o empresário de Robinho, Wagner Ribeiro, não existe mais saída para o Santos: o jogador já é do Real Madrid. Ele esteve na tarde desta quinta-feira na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), no Rio, e protocolou uma carta de crédito no valor de US$ 30 milhões (cerca de R$ 70,8 milhões) em favor do clube santista para que a transferência ao time espanhol seja concretizada."Acabei de protocolar aqui na CBF o alvará bancário, a fiança bancária, no valor de US$ 30 milhões, que o Real Madrid depositou na conta do Santos", disse Wagner Ribeiro, ao deixar a entidade. "Enquanto a transferência internacional não for feita pela CBF, o Robinho não é do Real Madrid, mas a cláusula penal foi cumprida, US$ 30 milhões, de acordo com as leis brasileiras. E o Santos não tem como negar a transferência." "O Robinho abriu mão dos 40% porque não tinha mais condições de ficar no Brasil, pelo lado psicológico e pela segurança. Além disso, ele quer seguir com a carreira no Real Madrid", revelou Wagner Ribeiro. "O clube não vai retribuir a ele agora os 40%, mas acreditamos que adiante poderemos reverter essa situação e ter uma compensação financeira." Em seguida, o empresário explicou que Robinho só deverá embarcar para a Espanha na próxima semana. Afinal, o jogador só deixará o Brasil quando o Certificado de Transferência Internacional (CTI) for liberado pela CBF e chegar ao Real Madrid.O empresário de Robinho ainda destacou que caso a CBF não aceitasse a documentação, ele teria embarcado nesta quinta-feira mesmo para a Zurique, na Suíça, onde entraria com um processo na Fifa para obter a liberação do atacante. "Agora vamos tocar a vida. Robinho vai ver novos horizontes. E quanto aos torcedores brasileiros que queriam ver o Robinho no Brasil, eu entendo, mas eles também têm que ver o lado do jogador", argumentou o empresário. "O Santos fez o melhor negócio de todos os tempos no futebol brasileiro. O Real Madrid comprou uma promessa. E só para o Robinho não foi bom financeiramente, porém, ele queria muito isso. Ele está perdendo agora para ganhar na frente."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.