Robinho brilha e Santos avança às oitavas de final na Copa do Brasil

Derrotado no jogo de ida, Alvinegro sofre na Vila Belmiro, mas sai classificado para a próxima fase com a ajuda do craque repatriado

Raphael Ramos, O Estado de S. Paulo

14 de agosto de 2014 | 21h34

Se contra o Corinthians, domingo, Robinho foi o principal jogador do Santos, mas não conseguiu evitar a derrota, nesta quinta, diante do Londrina, pela terceira fase da Copa do Brasil, o atacante voltou a ser o destaque da equipe e garantiu a vitória por 2 a 0 e a classificação para as oitavas de final. Após um primeiro tempo apagado, na etapa final Robinho fez um belo gol e deu o passe para outro. O próximo adversário do Alvinegro será definido em sorteio na segunda-feira.

Nos dez primeiros minutos de jogo, o Santos passou ao seu torcedor a falsa impressão de que não teria problemas para superar a derrota por 2 a 1 do jogo de ida. O time começou pressionando o Londrina e parecia que não demoraria para fazer o gol.

Passada a pressão inicial, no entanto, a equipe diminuiu o ritmo. O Santos trocava passes de lado e facilitava o trabalho dos defensores do Londrina, que não precisavam se movimentar muito para proteger a área.

O Alvinegro tinha praticamente o controle total da posse de bola, mas, sem inspiração, não conseguia criar chances claras. Já o Londrina, com a marcação avançada, roubou a bola em duas oportunidades no ataque e, por pouco, não abriu o placar aos 24, quando Paulinho fez o desarme em Jubal e, de frente para o gol, chutou para fora. 

No intervalo, o técnico Oswaldo de Oliveira não mexeu na escalação da equipe, mas acertou o posicionamento dos jogadores colocando os homens do meio de campo para jogarem mais próximos dos atacantes.

Contribuiu também para a melhora de rendimento do Santos a mudança de postura de Robinho, que passou a chamar a jogo. Assim, o gol não demorou para sair. Aos sete minutos, o atacante tabelou com Leandro Damião e acertou um belo chute no ângulo.

O Londrina buscou mais o ataque e deu espaço para o Santos. O Alvinegro só não ampliou a vantagem aos 22 porque Thiago Ribeiro “furou” o cruzamento na frente do gol. A chance mais incrível desperdiçada pelo jogador, no entanto, ocorreu aos 40, quando bastava a Thiago Ribeiro, debaixo do gol, encostar na bola para mandá-la para o fundo da rede, mas o atacante acabou chutando para fora.

O segundo gol, então, veio aos 43. Robinho fez ótima jogada pela esquerda e tocou para Rildo confirmar a classificação.

FICHA TÉCNICA:

SANTOS 2 x 0 LONDRINA

SANTOS - Aranha; Cicinho, David Braz, Jubal (Edu Dracena), Mena; Alison, Arouca (Alan Santos), Lucas Lima; Robinho, Thiago Ribeiro e Leandro Damião (Rildo). Técnico: Oswaldo de Oliveira.

LONDRINA - Vitor; Lucas Ramon, Dirceu, Silvio, Allan Vieira; Bidia (Madison), Diogo Roque, Léo Maringá (Rone Dias), Celsinho (Davi Ceará); Paulinho e Joel. Técnico: Cláudio Tencatti.

GOLS - Robinho, aos 7, e Rildo, aos 43 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Bidia, Paulinho, Thiago Ribeiro, Diogo Roque, Lucas Lima, Dirceu e Rildo.

ÁRBITRO - Wagner dos Santos Rosa (RJ).

RENDA: R$ 136.670,00.

PÚBLICO: 4.498 pagantes.

LOCAL - Estádio da Vila Belmiro, em Santos (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.