Robinho é acusado de abuso sexual na Inglaterra

Caso teria ocorrido em uma boate em Leeds no dia 14 de janeiro envolvendo uma jovem de 18 anos

Associated Press,

28 de janeiro de 2009 | 00h47

O atacante brasileiro Robinho, do Manchester City, foi detido nesta terça-feira para prestar depoimento sobre a acusação de abuso sexual contra uma garota. Veja também:Técnico do City confirma que Robinho será multadoRobinho deixa concentração do Manchester City O caso teria ocorrido em uma boate em Leeds no dia 14 de janeiro envolvendo uma jovem de 18 anos. "Nós confirmamos que o Robinho compareceu à delegacia hoje (terça-feira), para prestar esclarecimentos em uma investigação criminal", informou o porta-voz, Chris Nathaniel, no site do jogador nesta quarta-feira. "Ele nega veementemente a acusação e colocou-se a disposição para prestar qualquer esclarecimento". A polícia, sem identificar o jogador, disse a Associated Press que um homem foi interrogado sobre um crime sexual em Leeds em 14 de janeiro e foi solto após pagar fiança na terça-feira. Dias depois do suposto incidente, Robinho deixou o centro de treinamento de inverno da equipe, em Tenerife, na Espanha, sem permissão para retornar ao Brasil, alegando 'problemas familiares'.

Tudo o que sabemos sobre:
abuso sexualRobinhoManchester City

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.